Ao longo da história, as cidades passaram por mudanças transformacionais, abandonando velhas práticas e adotando novas. A cidade de Rio de Janeiro, com sua rica tapeçaria de memórias, não é exceção a esse fenômeno. Dentro dos seus limites encontram-se inúmeros exemplos de lugares e práticas que se perderam no passado, entre os quais se destaca o Matadouro da Cidade, como uma pungente lembrança de épocas passadas. 

A evolução da paisagem urbana: do matadouro ao patrimônio cultural